As autoridades indonésias elevaram este domingo para 31 o número de mortos na sequência de um deslizamento de terra em Java Ocidental no último dia do ano, enquanto prosseguem as operações de busca por dois desaparecidos.

O anterior balanço apontava para 15 mortos e 20 desaparecidos.

De acordo com o porta-voz da Agência Nacional de Gestão de Desastres, Sutopo Purwo Nugroho, as equipas de busca e resgate trabalham agora sob condições amosféricas mais favoráveis, depois de uma semana de chuva intensa.

O deslizamento ocorreu durante as celebrações da passagem do ano e surpreendeu cerca de 30 famílias.

No ano passado, a Agência Nacional de Gestão de Desastres registou mais de 430 deslizamentos de terra que deixaram pelo menos 160 mortos, centenas de feridos e 38.000 desalojados.

As inundações e deslizamentos de terra afetam todos os anos a Indonésia durante a estação de chuvas, sobretudo entre dezembro e fevereiro.