Incêndios

Portugal Inovação Social destina 1 milhão de euros para revitalizar Pinhal Interior

A iniciativa pública Portugal Inovação Social abriu um concurso que vai destinar um milhão de euros para a revitalização dos 19 municípios do Pinhal Interior mais afetados pelos incêndios de 2017.

O concurso tem como objetivo reforçar as ações de desenvolvimento no Pinhal do Interior

MARIO CRUZ/LUSA

Autor
  • Agência Lusa

A iniciativa pública Portugal Inovação Social abriu esta terça-feira um concurso que vai destinar um milhão de euros para a revitalização dos 19 municípios do Pinhal Interior mais afetados pelos incêndios de 2017.

Lançado ao abrigo do instrumento de financiamento Parcerias para o Impacto, no âmbito do Programa de Revitalização do Pinhal Interior, o concurso tem como objetivo reforçar as ações de desenvolvimento daquele território, criando na região um programa de incentivos ao desenvolvimento de iniciativas de inovação e empreendedorismo social.

“Estas iniciativas deverão propor soluções inovadoras e replicáveis, que visem a resolução e mitigação de problemas sociais nas áreas da saúde, educação, justiça, proteção social, inclusão e emprego”, refere a Portugal Inovação Social, em comunicado.

O instrumento de financiamento Parcerias para o Impacto “tem o duplo objetivo de, por um lado, estimular o desenvolvimento de projetos inovadores que tenham por missão resolver problemas sociais e, por outro, dinamizar a prática de investimento social, uma vez que pelo menos 30% do custo total do projeto deve ser suportado por um ou vários investidores sociais – públicos ou privados”.

“Os restantes 70% são suportados pelo Fundo Social Europeu através do Programa Operacional Inclusão Social e Emprego”, explica o comunicado, acrescentando que o período de candidaturas termina no dia 28 de fevereiro deste ano.

Até à data, a iniciativa pública Portugal Inovação Social aprovou 217 projetos nas regiões do Norte, Centro, Alentejo e Algarve, num total de 29,5 milhões de euros.

Os projetos apoiados foram aprovados em sete concursos realizados ao abrigo dos instrumentos de financiamento Capacitação para o Investimento Social, Parcerias para o Impacto e Títulos de Impacto Social.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt
Inovação

O papel e o valor das Cidades em Portugal

Bruno Curto Marques

No Portugal do século XXI, a estratégia para as cidades passa menos por escrever e reescrever os tradicionais planos estratégicos de desenvolvimento, e olhar para as cidades de outra forma.

Cristianismo

Para que na Quaresma não fiquemos na mesma

Filipe Samuel Nunes

Hipátia ensina diferente. A Quaresma não tem apenas a ver com deixer de comer chocolate ou deixer de ingerir álcool por 40 dias. Quaresma tem tudo a ver com a minha peregrinação Cristã.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)