Austrália

Rapaz de 13 anos ganhou 7 mil dólares a fotografar com drones

130

Hudson tem apenas 13 anos, mas no ano passado juntou 7 mil dólares a fazer fotografia aérea. A sua paixão pela robótica fez com que criasse um negócio e já vende os seus trabalhos fotográficos.

Hudson Horne tem 13 anos e faz da fotografia aérea a sua atividade de eleição (fotografia: BBC)

Chama-se Hudson Horne, é australiano e, com apenas 13 anos, deu uma outra vida à sua paixão de reparar aparelhos telecomandados ou programados. Foi este  rapaz que juntou 7 mil dólares (cerca de 6 mil euros) no último ano enquanto se entretinha a fotografar com drones.

Hudson recebeu o primeiro drone com nove anos. Hoje, faz fotografia aérea e acaba de tornar um simples hobby num negócio lucrativo, que até já uma designação própria tem. O seu nome é determinado e promissor: “Next Level Lens”. Agora não só repara os aparelhos como também lhes dá o devido uso com a fotografia aérea.

O jovem diz, citado pela BBC, que tem usado as novas tecnologias nos últimos dois anos para fazer dinheiro extra. Entre o que já fotografou, estão alguns eventos, como casamentos, e casas. Às vezes, trabalha para construtores ou pessoas que se encontram a desenvolver projetos arquitetónicos: e tudo visto de cima. Depois, vende as imagens em postais ou imprime-as apenas e vende-as assim, como aconteceu quando foi fotografar um evento de pesca e acabou por vender as suas fotografias aos pescadores.

O negócio, contudo, não é gerido às escuras. Além de ter a ajuda dos pais, Hudson teve uma formação empresarial durante seis meses e aí aprendeu muitas das regras que terá de aplicar no seu negócio daqui em diante.

Se tiver de deixar o negócio, posso sempre continuar a construir drones”, afirma Hudson

Independentemente do que acontecer, Hudson não tenciona deixar a sua paixão pela robótica e vê-se a trabalhar nela no futuro; não só se vê a fotografar como também quer construir os dispositivos que o permitam fazer.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt
Japão

Pegar o touro pelos cornos /premium

José Miguel Pinto dos Santos

Não deixa de ser irónico que as potências por detrás da intransigência doutrinária da Comissão Baleeira Internacional sejam as mesmas que, no século 19, exigiram ao Japão que lhes abrisse os portos...

Governo

2019 no mundo e em Portugal

Inês Domingos

Vinte anos depois do calendário, passada a crise, 2019 é o ano em que política, social e economicamente entramos realmente no novo século. Este Governo está aflitivamente impreparado para o enfrentar.

Política

O Povo é sempre o mesmo

Pedro Barros Ferreira

Trump e Bolsonaro não apareceram de gestação expontânea, antes pela sementeira criada pelos partidos e políticos que nada fazem, mas que dizem que tudo deve mudar para que, afinal, tudo fique na mesma

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)