Um sismo de magnitude 5,9 foi registado esta quarta-feira na ilha de Mindanau, no sul das Filipinas, sem causar vítimas ou danos graves, anunciaram as autoridades.

De acordo com o Instituto de Vulcanologia e Sismologia filipino, trata-se de uma réplica do sismo de magnitude 7,2 que atingiu a ilha no final de dezembro e que desencadeou um alerta de tsunami.

O Serviço Geológico dos Estados Unidos (USGS), que regista a atividade sísmica em todo o mundo, reduziu a magnitude do sismo para 5,7.

O terramoto foi localizado a 99 quilómetros a sudeste de Pondaguitan, a mais de mil quilómetros de Manila, e ocorreu a 69 quilómetros de profundidade.

As Filipinas assentam sobre o chamado “Anel de Fogo” do Pacífico, uma zona de grande atividade sísmica e vulcânica, que regista cerca de sete mil abalos sísmicos por ano, a maioria dos quais moderados.