Sporting de Braga

Abel Ferreira elogia Nacional, mas assume um Sporting de Braga para vencer

Os minhotos terão tido pouco tempo de preparação do jogo com o Nacional, na sexta-feira, por terem jogado na terça para a Taça de Portugal. Ainda assim, o treinador assume uma equipa para vencer.

Abel Ferreira, o treinador do Sporting de Braga, assume uma equipa para vencer

HUGO DELGADO/LUSA

Autor
  • Agência Lusa

O treinador do Sporting de Braga, Abel Ferreira, frisou esta quinta-feira o pouco tempo de preparação do jogo com o Nacional, na sexta-feira, da 18.ª jornada da I Liga de futebol, mas assumiu uma equipa para vencer. Os minhotos jogaram na terça-feira para a Taça de Portugal (vitória 2-0 sobre o Desportivo das Aves) e vão voltar a jogar apenas 72 horas depois, na Madeira.

“Se dissesse que não [é uma vantagem], estaria a mentir. Quem tem uma semana limpa tem mais tempo para preparar a partida e o plano de jogo”, disse, antevendo um “terreno pesado e algo escorregadio” na Choupana.

Abel Ferreira lembrou ainda a sobrecarga de jogos desde dezembro: “Temos jogado sobretudo fora e temos feito muitas viagens, ao sul e ao centro do país, temos que ter uma atenção redobrada à recuperação dos jogadores e fazer uma gestão coerente dos recursos que possuímos.”

O técnico arsenalista deixou elogios ao Nacional, equipa que tem o pior ataque da I Liga em casa, com apenas cinco golos (os mesmos que o Boavista, mas os axadrezados têm menos um jogo no Bessa).

“Muitas vezes olha-se só para os resultados e esquece-se o processo, mas ainda no último jogo do Nacional [derrota caseira com o Belenenses por 1-0] o resultado não foi justo, mandaram duas bolas ao ferro e tiveram inúmeras oportunidades de golo. A ideia e o processo estão lá, estão num bom momento e são uma equipa completamente diferente da que defrontámos” (na primeira jornada, os bracarenses venceram por 4-2).

Apesar das dificuldades que disse esperar, o treinador assumiu um Sporting de Braga a tentar vencer “desde o primeiro minuto” através “das três formas de fazer mossa no adversário: bolas paradas, contra-ataques e ataque posicional”.

Expulso no empate em Portimão (1-1), na 16.ª jornada, Abel Ferreira desmentiu o relatório do árbitro Fábio Veríssimo. “O palavrão que está lá [no relatório] é mentira, o resto é verdade. Disse que fui expulso por ter gesticulado, prometo a partir de agora ver os jogos com algemas nas costas para não mexer os braços. O futebol é um jogo de emoções e todos os intervenientes nos jogos têm que ter sensibilidade para percebê-las. Não se pode abusar da autoridade”, afirmou.

Wilson Eduardo tem estado em destaque nos minhotos e já leva 10 golos em todas as competições, como são exemplo o bis que carimbou o acesso às meias-finais da Taça de Portugal diante dos avenses. “Vamos a meio da época e temos jogadores a bater recordes individuais. Isso tem que ver com o compromisso dos jogadores com a equipa”, disse.

Sporting de Braga, terceiro classificado, com 37 pontos, e Nacional, 12.º, com 19, defrontam-se às 18h45 de sexta-feira, no Estádio da Madeira, no Funchal.

    Se tiver uma história que queira partilhar ou informações que considere importantes sobre abusos sexuais na Igreja em Portugal, pode contactar o Observador de várias formas — com a certeza de que garantiremos o seu anonimato, se assim o pretender:

  1. Pode preencher este formulário;
  2. Pode enviar-nos um email para abusos@observador.pt ou, pessoalmente, para Sónia Simões (ssimoes@observador.pt) ou para João Francisco Gomes (jfgomes@observador.pt);
  3. Pode contactar-nos através do WhatsApp para o número 913 513 883;
  4. Ou pode ligar-nos pelo mesmo número: 913 513 883.
Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)