Vaidades

“Meow!” Michelle Pfeiffer chegou finalmente ao Instagram

Aos 60 anos, Michelle Pfeiffer estreou-se no Instagram com uma única publicação: um vídeo da já icónica personagem Catwoman no filme "Batman Regressa". "Meow Instragram" é a legenda.

Aos 60 anos, Pfeiffer estreou-se nas redes sociais

Rich Fury/Getty Images

Michelle Pfeiffer pode ser uma estrela de alto gabarito internacional, mas no que toca às redes sociais a atriz é uma novata. Aos 60 anos, Pfeiffer deixou-se finalmente contagiar e criou uma conta de Instagram que, com apenas um dia de vida e uma publicação, já angariou quase 50 mil seguidores.

O primeiro (e até agora único) post mostra a atriz no icónico papel de Catwoman, no filme Batman Regressa de 1992, protagonizado por Michael Keaton e Danny DeVito. O vídeo, publicado esta quinta-feira, mostra a personagem de Michelle Pfeiffer a fazer um backflip na direção de Batman e de Pinguim, o vilão da história. A cena termina com o famoso “Meow” da Catwoman, que também serve de legenda à publicação: “MEOW Instagram”. São já mais de 130 mil as visualizações.

A estreia de Michelle no Instagram surge numa altura em que se avizinha mais um regresso à grande tela: a atriz vai entrar no filme Maléfica 2, previsto para o próximo ano. Só em 2017, Pfeiffer — que chegou a interromper a carreira para criar os dois filhos, Claudia Rose, de 25 anos, e John Henry, de 24 — participou em três filmes: Where Is Kyra?, Mãe!Um Crime no Expresso do Oriente.

    Se tiver uma história que queira partilhar ou informações que considere importantes sobre abusos sexuais na Igreja em Portugal, pode contactar o Observador de várias formas — com a certeza de que garantiremos o seu anonimato, se assim o pretender:

  1. Pode preencher este formulário;
  2. Pode enviar-nos um email para abusos@observador.pt ou, pessoalmente, para Sónia Simões (ssimoes@observador.pt) ou para João Francisco Gomes (jfgomes@observador.pt);
  3. Pode contactar-nos através do WhatsApp para o número 913 513 883;
  4. Ou pode ligar-nos pelo mesmo número: 913 513 883.
Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt
Justiça

Danos do divórcio e direito à indemnização

Nuno Cardoso Ribeiro
162

Hoje o processo judicial de divórcio não admite pedidos indemnizatórios sendo necessária uma acção cível e reviver factos e episódios que se prefere esquecer. Este regime todos os dias cria injustiças

Crónica

Na Caverna da Urgência

António Bento

A principal queixa do homem contemporâneo é a de uma permanente e estrutural sensação de «falta de tempo». Há uma generalização da urgência a todos os domínios da experiência e da existência moderna.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)