Espanha

Criança de quatro anos morre durante caçada em Espanha

222

A criança estava numa quinta em Sevilha onde estava a decorrer uma caçada ao javali. Foi levada para o centro de saúde mais próximo mas acabou por morrer. Lei espanhola proíbe participação de menores.

O menor terá sido provavelmente atingido pelo disparo de uma espingarda, acabando por morrer

Lars Baron/Getty Images

Uma criança de quatro anos morreu este sábado depois de ter sido atingido por um disparo durante uma caçada numa quinta na região de Sevilha, em Espanha. De acordo com o El Mundo, o menor terá sido ferido provavelmente com uma espingarda e foi transportado de imediato para o centro de saúde de Burguillos, a localidade mais próxima, onde acabou por morrer.

O alerta foi dado durante a manhã, pelas 11h30 (10h30 em Lisboa), através de uma chamada feita para o 112 da Andaluzia. Foram enviados para a quinta La Lapa, localizada junta à estrada que liga Burguillos a Castilblanco de los Arroyos, elementos da Empresa Pública de Emergências Sanitárias (EPES), da Guardia Civil e da polícia. A criança foi levada para Burguillos, acabando por morrer ainda durante a manhã. O caso está a ser investigado pela Guardia Civil de La Rinconada.

Segundo o El Mundo, o menor era natural de Écija, em Sevilha, onde vivia com a família. Na La Lapa, estava a decorrer uma caçada ao javali mas desconhecem-se as circunstâncias que levaram a criança à quinta.  A legislação espanhola proíbe a participação de menores em caçadas. A lei diz que estes não podem estar nas zonas de caça, podendo apenas circular nos locais onde as peças são reunidas e os almoços feitos.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt
NATO

Os 70 anos da NATO, vistos da Europa


João Diogo Barbosa

Não só o “exército europeu” se tornou um dos temas essenciais para o futuro, como foi possível, pela primeira vez, a aprovação de um Programa Europeu de Desenvolvimento Industrial no domínio da Defesa

NATO

Os 70 anos da NATO, vistos da Europa


João Diogo Barbosa

Não só o “exército europeu” se tornou um dos temas essenciais para o futuro, como foi possível, pela primeira vez, a aprovação de um Programa Europeu de Desenvolvimento Industrial no domínio da Defesa

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)