GNR

Trinta e oito pessoas detidas em flagrante durante operações da GNR

A maioria foi detida por condução sob efeito de álcool, mas também há casos de condução sem carta e tráfico de estupefacientes. Foram apreendidas 56 doses de haxixe e 13 de canábis

ESTELA SILVA/LUSA

Trinta e oito pessoas foram detidas em flagrante delito pela Guarda Nacional Republicana (GNR) nas últimas 12 horas num conjunto de operações pelo país, divulgou em comunicado a autoridade policial.

De acordo com o comunicado, foram detidas 38 pessoas em flagrante delito, 25 das quais por condução sob o efeito do álcool, oito por condução sem habilitação legal, três por tráfico de estupefacientes e uma por condução perigosa.

Nas operações em território nacional foram ainda apreendidas 56 doses de haxixe e 13 doses de folhas de canábis.

No que se refere às operações de fiscalização no trânsito, 802 infrações foram detetadas pela GNR, entre as quais, 61 por condução com taxa de álcool no sangue superior ao permitido por lei, 48 por falta de inspeção periódica obrigatória do automóvel, 45 por excesso de velocidade.

Foram registados ainda 123 acidentes, destacando-se dois feridos graves e 30 pessoas com ferimentos ligeiros.

“A Guarda Nacional Republicana, para além da sua atividade operacional diária, levou a efeito um conjunto de operações em todo o território nacional entre as 20:00 de sexta-feira e as 08:00 de hoje, que visaram a prevenção e combate à criminalidade violenta, fiscalização rodoviária, entre outras”, referiu a nota da GNR.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt
Economia

Produtividade: a culpa é da mão de obra?

Fernando Pinto Santos

De quem é a culpa da baixa produtividade do trabalho em Portugal? Da mão de obra? Sim, mas é só um dos fatores. Falta também maior eficiência dos fatores produtivos e maior capacidade para criar valor

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)