Tráfico de Droga

PJ apreende 430 quilos de cocaína no porto de Leixões. Droga estava escondida num contentor de fruta

Droga foi transportada para o porto de Leixões num contentor de fruta. Em Espanha, oito indivíduos foram detidos por suspeitas de fazerem parte da organização criminosa dedicada ao tráfico de cocaína.

A investigação, que começou há um ano, continua aberta

André Kosters/LUSA

Oito pessoas foram detidas no norte de Portugal e na Galiza pelas autoridades dos dois países, que apreenderam 430 quilos de cocaína, segundo a agência de notícias espanhola, citando uma fonte da subdelegação do governo em Pontevedra.

A Polícia Judiciária (PJ) , entretanto, enviou um comunicado esta segunda-feira, onde informa que a droga foi encontrada no porto de Leixões dentro de um contentor de fruta, no âmbito da operação “Falla”.

O dispositivo policial, que conta com a colaboração das polícias de Espanha, Colômbia e Portugal, permitiu até agora a detenção de oito pessoas nas localidades espanholas de Pontevedra e Ourense, de nacionalidade espanhola, colombiana e equatoriana. Os indivíduos são suspeitos de pertencerem a “uma importante estrutura criminosa, com atividade em diversos países, que se dedicava ao tráfico de grandes quantidades de cocaína”, acrescenta a PJ em comunicado.

A investigação, que começou há um ano, continua aberta e não são de excluir novas detenções, conclui a Efe. Dentro da PJ, a operação envolveu a Unidade Nacional de Combate ao Tráfico de Estupefacientes, com o apoio da Diretoria do Norte e com a colaboração da Autoridade Tributária e Aduaneira.

(artigo atualizado às 13h30 desta segunda-feira, com mais informações sobre a operação, baseadas no comunicado da PJ)

    Se tiver uma história que queira partilhar ou informações que considere importantes sobre abusos sexuais na Igreja em Portugal, pode contactar o Observador de várias formas — com a certeza de que garantiremos o seu anonimato, se assim o pretender:

  1. Pode preencher este formulário;
  2. Pode enviar-nos um email para abusos@observador.pt ou, pessoalmente, para Sónia Simões (ssimoes@observador.pt) ou para João Francisco Gomes (jfgomes@observador.pt);
  3. Pode contactar-nos através do WhatsApp para o número 913 513 883;
  4. Ou pode ligar-nos pelo mesmo número: 913 513 883.
Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)