Mercedes-Benz

Série 1 e Classe A podem ser feitos em conjunto

Ganham contornos cada vez mais definidos os rumores de que BMW e Mercedes ponderam aliar-se. De acordo com a imprensa alemã, um dos frutos dessa união poderá passar pelo desenvolvimento de compactos.

aqui noticiámos que as arqui-rivais BMW e Mercedes estariam a discutir uma parceria que permitisse a ambas enfrentar com menores custos de desenvolvimento (e maiores hipóteses de sucesso) os desafios levantados pela mobilidade eléctrica e pela condução autónoma. Contudo, essas negociações – que há cerca de três semanas atrás eram descritas como estando num estágio ainda muito embrionário – voltam agora a ser notícia. Não pela condução autónoma, nem pela mobilidade eléctrica.

Segundo avança o jornal germânico Handelsblatt, os dois construtores estarão a equacionar a possibilidade de desenvolverem em conjunto modelos compactos. Ou seja, os próximos BMW Série 1 e Mercedes Classe A podem vir a ser concebidos “a meias”. Um pouco à semelhança, aliás, do que aconteceu recentemente com o Z4 e o Supra, dois roadsters que resultam de uma parceria entre os alemães e os japoneses.

Como seria de esperar, nenhuma das marcas se pronunciou a este respeito, pelo que ainda está por confirmar (ou negar) oficialmente a informação veiculada pelo jornal germânico. Convém, no entanto, ter presente que o Série 1 nunca conseguiu medir forças com o Classe A em matéria de vendas e este, por sua vez, depende grandemente de mecânicas Renault – parceria essa que (ainda) não é evidente que venha a ser renovada, colocando mesmo em risco a continuidade do Smart.

Certo é que, a confirmar-se esta opção por parte dois construtores alemães, ainda vamos ter de esperar por meados da próxima década para podermos ver na estrada compactos desenvolvidos em conjunto pela BMW e Mercedes. Sendo que, notam os alemães, é praticamente garantido que a decisão (a ser tomada) enfrentará uma forte resistência no seio das equipas de engenharia de qualquer uma das marcas.

Participe nos Prémios Auto Observador e habilite-se a ganhar um carro

Vote na segunda edição do concurso dedicado ao automóvel cuja votação é exclusivamente online. Aqui quem decide são os leitores e não um júri de “especialistas” e convidados.

Participe nos Prémios Auto ObservadorVote agora

    Se tiver uma história que queira partilhar ou informações que considere importantes sobre abusos sexuais na Igreja em Portugal, pode contactar o Observador de várias formas — com a certeza de que garantiremos o seu anonimato, se assim o pretender:

  1. Pode preencher este formulário;
  2. Pode enviar-nos um email para abusos@observador.pt ou, pessoalmente, para Sónia Simões (ssimoes@observador.pt) ou para João Francisco Gomes (jfgomes@observador.pt);
  3. Pode contactar-nos através do WhatsApp para o número 913 513 883;
  4. Ou pode ligar-nos pelo mesmo número: 913 513 883.
Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: scarvalho@observador.pt

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)