Forças Armadas

Metade dos militares abandona as Forças Armadas antes do fim do contrato

1.188

Em 2018, quase 1760 militares pediram para terminar o contrato com as Forças Armadas antes de esgotarem os seis anos, num universo de mais de 10 mil contratados.

LUSA

Mais de metade dos militares das Forças Armadas no regime de contrato abandona as fileiras antes de terminarem os seis anos de vínculo. No ano passado, segundo números que o próprio Ministério da Defesa enviou ao Jornal de Notícias, dos 3101 militares que deixaram os três ramos, 1759 militares puseram um fim antecipado aos respetivos contratos.

A maior parte das saídas ocorreu no Exército, que é, ao mesmo tempo, o mais numeroso dos ramos. Dos quase 1760 militares que pediram para rescindir contrato, 1564 são daquele ramo. Entre Exército, Marinha e Força Aérea, Portugal tem atualmente 10.657 militares em regime de contrato.

O quadro não é novo para as associações militares, que apontam a precariedade, os baixos salários e a falta de progressão na carreira como as razões mais fortes para que os homens e mulheres nas fileiras dos três ramos não cheguem a cumprir os seis anos de contrato — mesmo que o regime de incentivos para a reintegração na vida civil continue a ser considerado insuficiente.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: prainho@observador.pt

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)