Uma “forte explosão” foi esta segunda-feira registada num mercado “densamente povoado” na capital da Somália, Mogadíscio, regularmente alvo dos islamitas radicais shebab, informou a polícia.

O ataque provocou pelo menos 11 mortos e 10 feridos, de acordo com Reuters.

“Houve uma grande explosão no mercado de Hamarweyne”, disse à agência de notícias France Presse Ibrahim Mohamed, um polícia da cidade.

Segundo a polícia, a explosão provavelmente foi realizada pelo grupo islâmico al Shabaab.