Migrações

Polícia Marítima portuguesa resgatou 34 migrantes no Mar Egeu, 20 eram crianças

A equipa da Polícia Marítima portuguesa em missão na ilha grega de Lesbos, no Mar Egeu, resgatou na madrugada de hoje 34 migrantes que se encontravam a bordo de um bote.

O bote foi de seguida rebocado pela embarcação da Polícia Marítima para o porto de Skala Skamineas

JOSÉ COELHO/LUSA

Autor
  • Agência Lusa

O bote, onde seguiam 20 crianças, oito mulheres (uma grávida) e seis homens, foi detetado pela equipa da Viatura de Vigilância Costeira da Polícia Marítima, que passou as coordenadas para a equipa a bordo embarcação “TEJO”, tendo esta efetuado a interceção do bote ainda no final da noite de sábado, precisa o comunicado.

O bote foi de seguida rebocado pela embarcação da Polícia Marítima para o porto de Skala Skamineas, onde os migrantes desembarcaram em segurança, sendo de seguida entregues às autoridades gregas já durante a madrugada de hoje, acrescenta o texto.

A Polícia Marítima encontra-se integrada na operação “Poseidon”, sob égide da agência europeia Frontex e em apoio à Guarda Costeira grega, com o objetivo de controlar e vigiar as fronteiras marítimas gregas e externas da União Europeia, no combate ao crime transfronteiriço, no âmbito das funções de guarda costeira europeia.

A Polícia Marítima continuará em missão até janeiro de 2020, tendo salvo 1.710 vidas desde que iniciou esta missão na Grécia em maio de 2017.

Desde 2014, quando iniciou a sua participação na missão Poseidon, a Polícia Marítima totaliza 4.866 vidas salvas, conclui o comunicado.

    Se tiver uma história que queira partilhar ou informações que considere importantes sobre abusos sexuais na Igreja em Portugal, pode contactar o Observador de várias formas — com a certeza de que garantiremos o seu anonimato, se assim o pretender:

  1. Pode preencher este formulário;
  2. Pode enviar-nos um email para abusos@observador.pt ou, pessoalmente, para Sónia Simões (ssimoes@observador.pt) ou para João Francisco Gomes (jfgomes@observador.pt);
  3. Pode contactar-nos através do WhatsApp para o número 913 513 883;
  4. Ou pode ligar-nos pelo mesmo número: 913 513 883.
Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt
CDS-PP

O governo merece uma censura /premium

João Marques de Almeida

Se o Presidente, o PM e os partidos parlamentares fossem responsáveis e se preocupassem com o estado do país, as eleições legislativas seriam no mesmo dia das eleições europeias, no fim de Maio. 

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)