Enfermeiros

Intimação contra requisição civil de enfermeiros já foi entregue no tribunal

A intimação para a proteção de direitos, liberdades e garantias da classe foi entregue no Supremo Tribunal Administrativo perto das 16h desta segunda-feira.

O Sindicato Democrático dos Enfermeiros (Sindepor) entregou a intimação

ANTÓNIO COTRIM/LUSA

Autor
  • Agência Lusa

O Sindicato Democrático dos Enfermeiros (Sindepor) entregou esta segunda-feira a intimação para a proteção de direitos, liberdades e garantias da classe, contestando assim a requisição civil decretada pelo Governo na quinta-feira, confirmou à Lusa o advogado Garcia Pereira. Agora, o juiz tem cerca de 48h para decidir: ou ordena imediatamente a suspensão da requisição civil ou converte a intimação numa providência cautelar.

A intimação foi entregue no Supremo Tribunal Administrativo perto das 16h desta segunda-feira. “Pedimos ao juiz que adotasse o procedimento mais célere” referiu o advogado do Sindepor em declarações à RTP. Garcia Pereira disse ainda estar preocupado com o facto de se estarem “a forjar fundamentos e protestos para justificar a requisição civil” no âmbito da greve cirúrgica dos enfermeiros, ou até “novas requisições civis”.

Estão a alargar intencionalmente os programas cirúrgicos numa dimensão que em condições normais não podem ser cumpridos. Estão a ligar às pessoas a dizer que tem intervenção marcada quando esta não é possível”, acusou o advogado.

Garcia Pereira passa ainda responsabilidades para o Ministério da Saúde e as unidades hospitalares, alegando que o número de cirurgias marcadas era maior nos dias de greve “sabendo-se que não há capacidade de resposta”. O advogado exige que se investigue o que se passa, tendo em conta que podem estar em causa crimes de natureza pública, como abuso de poder e denegação de justiça.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt
Eleições Europeias

Querida Europa...

Inês Pina

Sabemos que nos pedes para votarmos de cinco em cinco anos, nem é muito, mas olha é uma maçada! É sempre no dia em que o primo casa, a viagem está marcada, em que há almoço de família…

Educação

Aprendizagem combinada: o futuro do ensino

Patrick Götz

Só integrando a tecnologia na escola se pode dar resposta às necessidades do futuro, no qual os futuros trabalhadores, mesmo que não trabalhando na indústria tecnológica, terão de possuir conhecimento

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)