Costa só ia à reunião de crédito para fazer número

Governador do Banco de Portugal garante que não participou em nenhuma das 25 grandes operações ruinosas do banco público. E diz que foi a CGD que lhe tratou da compra do monte a Armando Vara.

Por Edgar Caetano