Enfermeiros

Greve dos enfermeiros. Hospitais têm de aguardar instruções do Ministério sobre parecer da PGR

Os hospitais têm de aguardar por indicações do Ministério da Saúde para saber como devem atuar, depois da homologação e publicação do parecer da PGR sobre a greve dos enfermeiros.

O parecer considera a greve dos enfermeiros ilícita por não corresponder ao pré-aviso

ANTONIO COTRIM/LUSA

Autor
  • Agência Lusa

As administrações dos hospitais onde decorre a greve cirúrgica dos enfermeiros aguardam instruções do Ministério da Saúde para saber como agir perante o parecer da Procuradoria-geral da República (PGR) esta terça-feira publicado.

O presidente da Associação dos Administradores Hospitalares, Alexandre Lourenço, disse à agência Lusa que as administrações dos hospitais têm de aguardar por indicações do Ministério da Saúde “para saber como devem atuar”, depois da homologação e publicação do parecer do conselho consultivo da PGR sobre a greve dos enfermeiros em blocos operatórios.

O parecer considera a greve ilícita por não corresponder ao pré-aviso e porque o fundo usado para compensar a perda de salário não foi constituído nem gerido pelos sindicatos que decretaram a paralisação. Este parecer refere-se à primeira greve cirúrgica, que decorreu entre novembro e dezembro, e não à greve que ainda decorre até ao final do mês, uma paralisação nos mesmos moldes e que também recorreu ao fundo de financiamento.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)