Macau

Macau arrecadou 11.672 milhões de euros em impostos diretos sobre o jogo em 2018

Os 11.672 milhões de euros em impostos diretos sobre o jogo representaram 79,6% da totalidade das receitas públicas de Macau. No total, as receitas foram mais 13,7% do que em 2017.

Apesar de as despesas terem aumentado 3,4% no ano passado devido ao bom desempenho da indústria do jogo, Macau apresentou um saldo positivo nas contas públicas

ALEKSANDAR PLAVEVSKI/EPA

Autor
  • Agência Lusa

Macau arrecadou no ano passado 106.781 milhões de patacas (11.672 milhões de euros) em impostos diretos sobre o jogo, um aumento de 13,6% face ao valor obtido no ano anterior, de acordo com dados provisórios divulgados na terça-feira.

Em 2017, os impostos diretos sobre o jogo — 35% sobre as receitas brutas dos casinos — representaram 93.961 milhões de patacas (10.271 milhões de euros) aos cofres do território, único local da China onde o jogo é permitido.

Segundo a Direção dos Serviços de Finanças do território, os 106.781 milhões de patacas em impostos diretos sobre o jogo arrecadados em 2018 representaram 79,6% da totalidade das receitas públicas de Macau. No total, as receitas foram de 134.204 milhões de patacas, mais 13,7% do que em 2017.

Apesar de as despesas terem aumentado 3,4%, no ano passado, para 80.331 milhões de patacas, graças ao bom desempenho da indústria do jogo, o território apresentou um saldo positivo nas contas públicas de 53.872 milhões de patacas. No primeiro mês deste ano, o governo de Macau apresentou um saldo positivo de 9.132 milhões de patacas na execução orçamental, mais de metade do valor previsto para todo o ano de 2019.

De acordo com a Direção dos Serviços de Finanças, em janeiro, o território arrecadou receitas de 12.181 milhões de patacas e registou despesas de 3.049 milhões de patacas.

Macau calcula obter 117,3 mil milhões de patacas em receita (menos do que o valor arrecadado em 2018) e 99,2 mil milhões de despesa (um número mais elevado que em 2018), de acordo com dados oficiais.

O valor arrecadado através do jogo representou, em janeiro, 10,4% do total que as autoridades de Macau esperam arrecadar em 2019 (98 mil milhões de patacas).

Os casinos de Macau fecharam o mês de janeiro com receitas de 24.942 milhões de patacas (2.688 milhões de euros), menos 5% do que no mesmo mês do ano passado.

A última vez que tinha existido um resultado homólogo inferior foi em julho de 2016, quando os casinos fecharam o mês com receitas de 17.774 milhões de patacas, menos 4,5% do que o resultado alcançado em julho de 2015.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)