Farfetch, plataforma líder no comércio online de moda de luxo, vai lançar em 2020 a plataforma global de comércio eletrónico da Harrods, loja britânica de retalho de marcas de luxo.

A Harrods já está no mercado há 185 anos, quando ainda não havia Internet. É uma loja de retalho instalada num grande edifício em Londres, na qual os consumidores podem encontrar de tudo: de sapatos da Gucci ao café da Colômbia e vinho do Porto. Mas, hoje, não é preciso apanhar o avião para ir até à Harrods. A loja tem um site online que vende os produtos para vários países, incluindo Portugal, mas que não chega a toda a gente. Para mudar isso, fez uma parceria com a Farfetch, fundada pelo português José Neves em 2007, que vai ser responsável por criar uma plataforma global de comércio online para a Harrods.

”A nossa experiência em construir plataformas tecnológicas para marcas de luxo significa que a oferta da Harrods online será tão excitante como a experiência na loja física”, revelou José Neves em comunicado.

A Harolds vai desfrutar do serviço Farfetch Black & White, que inclui a gestão de e-commerce, apoio de operações, apoio de logística internacional e apoio técnico, mas permite que as marcas interajam com os consumidores: a marca britânica vai continuar a ser a responsável pelas compras no site, pelo marketing, relações comerciais relações comerciais, estratégia de produto, conteúdo criativo e editorial, e pelos serviços de apoio ao cliente.

Michael Ward, diretor-geral da Harrods revelou que o objetivo desta parceria exclusiva é ”garantir que os clientes da Harrods tenham exatamente o mesmo serviço exemplar, seja online ou na loja física”. E as expectativas da Harrods vão mesmo ao encontro daquilo que a Farfetch Black & White (área de negócio da Farfetch destinada a desenvolver sites para outras empresas) quer oferecer à marca.

Kelly Kowal, responsável por esta área de negócio, garantiu que a Farfetch Black & White vai pôr em prática ”toda a experiência na gestão de questões técnicas e logísticas complexas […] para que os clientes da Harrods possam usufruir da melhor experiência digital de luxo possível”.