Já lhe tínhamos dito que a VW estava a desenvolver uma versão mais desportiva do T-Roc, o SUV compacto da marca alemã produzido em Portugal. E a verdade é que, apesar das suas características de SUV, sinónimo de veículo mais versátil e com capacidade de circular por estradas em terra e em menos bom estado, a marca alemã decidiu produzir um desportivo melhor do que o Golf GTI, tendo por base um veículo mais alto e, logo, menos favorecido em termos de centro de gravidade.

10 fotos

Se os SUV são modelos funcionais, mais práticos, a VW apostou em que há por aí muitos clientes desejosos de aliar emoção às características originais do T-Roc. Assim, recorreu ao motor que monta no Golf R, o 2.0 TSI sobrealimentado, na versão de 300 cv e 400 Nm de binário. Trata-se da mesma unidade que motoriza o GTI TCR, mas que aqui surge numa versão ainda mais puxada, com 10 cv adicionais. Acoplado a uma caixa de velocidades automática de dupla embraiagem e sete velocidades, o T-Roc R anuncia 4,9 segundos de 0-100 km/h e uma respeitável velocidade máxima de 250 km/h.

Além de montar a mecânica do Golf R, a VW tratou igualmente de optimizar o chassi, visando ultrapassar o facto de ter o centro de gravidade numa posição mais acima do que é habitual num desportivo. Começou por montar suspensões mais “curtas”, para reduzir a altura ao solo, e mais duras, apesar de existirem modos de condução em que os amortecedores se tornam mais suaves, para melhorar o conforto. As jantes passam a ser de 17 polegadas (opcionalmente podem ser 19”, com pneus 235/40), o que deixa mais espaço no seu interior para serem montados discos maiores e pinças mais volumosas, similares às do Golf R, para fazer parar o T-Roc R em quaisquer situações.

6 fotos

Depois de ter procurado as melhores afinações do conjunto no circuito de Nürburgring, especialmente ao nível das suspensões, a VW vai agora mostrar o T-Roc R no Salão de Genebra, mas ainda como concept, sendo evidente que o anúncio de produção em série deverá surgir durante o certame suíço, para que as entregas aos clientes se iniciem ainda em 2019. Até lá, e em directo de Palmela, o T-Roc R cheio de ritmo: