Rádio Observador

Crime

PJ detém último elemento de um grupo suspeito de “carjacking” em Matosinhos

A Polícia Judiciária deteve o último membro de um grupo responsável por um "carjacking" ocorrido em agosto, em Matosinhos. Segundo o Jornal de Notícias, tratar-se-á do ex-líder do gangue de Valbom.

A operação ocorreu esta quarta-feira e terá obrigado a PJ a disparar vários tiros

JOÃO PORFÍRIO/OBSERVADOR

A Polícia Judiciária, através da Diretoria do Norte, deteve esta quarta-feira o último elemento de um grupo responsável por um carjacking ocorrido em agosto passado, em Matosinhos. Os restantes criminosos já tinham sido detidos pelas autoridades, em dezembro e janeiro. Diligências levadas a cabo pelas autoridades desde então levaram à identificação do alegado criminoso, um homem de 29 anos que o Jornal de Notícias identifica como sendo Hélder “Bianchi”, antigo líder do gangue de Valbom, que terá sido responsável por vários assaltos violentos realizados há uns anos na zona do Porto.

“Bianchi”, preso desde 2010, saiu em liberdade condicional em meados do ano passado. Durante a operação policial realizada esta quarta-feira, terá tentado fugir das autoridades, o que terá obrigado a PJ a disparar vários tiros. Um deles terá atingido o suspeito de raspão numa perna, refere o Jornal de Notícias. De acordo com o mesmo jornal, o detido é, também, suspeito de estar envolvido no desaparecimento de Fernando “Trico”, outros dos líderes do gangue de Valbom.

“O agora detido, de 29 anos de idade, sem ocupação laboral, com antecedentes criminais por crimes da mesma natureza, vai ser presente a primeiro interrogatório judicial para aplicação das medidas de coação tidas por adequadas”, adiantou a PJ em comunicado.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: rcipriano@observador.pt
Incêndios

Um fogo que se apaga

Vera de Melo

Como podemos preparar as crianças para lidar com os incêndios? Como as podemos ajudar e tranquilizar? Aqui ficam algumas dicas.

Política

A sobrevivência do socialismo /premium

André Abrantes Amaral

O socialismo é a protecção de um sector contra os que ficam de fora. O desejo de ordem e a desresponsabilização é natural entre os que querem segurança a todo o custo.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)