Rádio Observador

Segurança

BMW foi roubado em apenas 20 segundos

2.158

Um assaltante abriu, pôs a trabalhar e levou um BMW M140i em 20 segundos. Tudo isto sem partir vidros ou arrombar fechaduras, recorrendo apenas a um amplificador que detectou o sinal da chave.

Este BMW M140i é apenas uma das vítimas mais recentes, mas a fragilidade do seu sistema keyless é idêntica à da maioria dos veículos disponíveis no mercado, em que é possível abrir a porta e colocar o motor em funcionamento sem retirar a chave do bolso. A equipa de dois assaltantes consegue captar o sinal da chave, amplificá-lo e afastar-se, conduzindo, em apenas 20 segundos.

O roubo em causa teve lugar junto a uma residência em Northampton, no Reino Unido, mas lamentavelmente para os donos de automóveis equipados com sistema keyless acontece um pouco por todo o lado e com maior frequência do que se possa pensar. Essencialmente porque é fácil e rápido, não envolvendo qualquer dano no veículo.

As imagens mostram um dos assaltantes a passar com o amplificador de sinal junto à porta da casa, enquanto um segundo ladrão puxa o manípulo, na esperança que o veículo comunique com a chave com a ajuda do amplificador, uma vez que está fora do raio de acção, dentro de casa. Uma vez detectado o sinal, o automóvel permite que os ladrões entrem, coloquem o motor em funcionamento e levem o veículo.

O sistema keyless, deste BMW ou de qualquer outra marca, possui um emissor de ondas rádio que, assim que o puxador da porta é accionado, emite um código, permitindo a abertura das portas e o accionamento do motor. É um sistema prático e que facilita a vida dos utilizadores, mas também a dos assaltantes.

A solução passa por proteger a chave quando está em casa, isolando-a através de um sistema que se pareça a uma gaiola de Faraday, algo que impeça este tipo de radiações electromagnéticas de saírem. Este sistema é similar ao RFID (Radio Frequency Identification) com que estão equipados alguns cartões bancários, que também podem ser clonados por equipamentos usados por alguns ladrões, bastando para tal aproximar um leitor do portador. E é para evitar este tipo de assalto que existem carteiras específicas para que o RFID do cartão seja lido sem “autorização” do proprietário.

O conselho aos condutores de veículos keyless é recorrer a um sistema similar para a chave do carro, o que pode passar por adquirir uma caixa ou bolsa específica e colocá-la lá dentro. Em alternativa, pode sempre usar uma caixa metálica e meter lá dentro a chave, mas confie na solução encontrada apenas depois de a testar, aproximando-a do veículo e accionando o manípulo. Se abrir, procure uma caixa diferente ou revista-a com papel de alumínio. Veja aqui como funciona:

Comparador de carros novos

Compare até quatro, de entre todos os carros disponíveis no mercado, lado a lado.

Comparador de carros novosExperimentar agora
Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: alavrador@observador.pt

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)