O australiano Nick Kyrgios, 72.º do ranking mundial de ténis, conquistou no sábado o torneio de Acapulco, ao vencer na final o alemão Alexander Zverev, terceiro da hierarquia, por 6-3 e 6-4.

No percurso para o seu quinto título, depois das vitórias em Tóquio, Atlanta e Marselha, em 2016, e em Brisbane, no ano passado, Kyrgios “derrubou” três tenistas do top 10, casos do espanhol Rafael Nadal e do norte-americano John Isner, além de Zverev.

Kyrgios necessitou de uma hora e 32 minutos para se impor ao alemão na final e assegurar o regresso aos títulos, 14 meses depois do triunfo na Austrália.