A ministra da Justiça designou Isabel Maria Pereira Duarte Paulo, de 59 anos, para o lugar de diretora do Estabelecimento Prisional de Paços de Ferreira, foi esta segunda-feira publicado em Diário da República.

Segundo o despacho do Governo assinado por Francisca Van Dunem, a nova diretora é licenciada em direito e desempenhava funções como técnica superior nos quadros da Direção-Geral de Reinserção e Serviços Prisionais.

Isabel Maria Pereira Duarte Paulo, que substitui no cargo Maria Fernanda Barbosa, é natural de Torres Vedras e dirigia, desde 2016, o Estabelecimento Prisional de Braga.

Do seu currículo profissional consta também a direção do estabelecimento prisional instalado junto à Polícia Judiciária de Lisboa, de 2013 a 2016.

A cadeia de Paços de Ferreira foi notícia no mês de fevereiro, quando um grupo de reclusos ali organizou uma festa e a transmitiu em direto para o exterior, através de telemóvel.

A Guarda Prisional realizou no EP de Paços de Ferreira uma megaoperação envolvendo mais de 100 operacionais, durante a qual foram apreendidos telemóveis, drogas e outros artigos.

No dia 15 de fevereiro, a então diretora do Estabelecimento Prisional (EP) de Paços de Ferreira, Maria Fernanda Barbosa, pediu a sua demissão, que foi aceite pela tutela.

Maria Fernanda Barbosa tinha antes sido chamada ao parlamento, onde se recusou a dar explicações sobre esse episódio, alegando que o assunto estaria sob investigação.