Madeira. Exames a "doentes urgentíssimos" anulados

O responsável pela Unidade de Medicina Nuclear da Madeira referiu ainda que esta quinta-feira tinha 5 doentes (4 com melanoma e um com cancro da mama) e na sexta outros seis com doença óssea.

Por Agência Lusa