O treinador português Carlos Queiroz teve esta sexta-feira uma estreia vitoriosa como selecionador colombiano de futebol, a impor-se por 1-0 ao Japão, em jogo particular, realizado em Yokohama.

Um golo de grande penalidade, marcado aos 64 minutos pelo avançado Falcao, antigo jogador do FC Porto, foi suficiente para a Colômbia vencer a seleção anfitriã, pela qual foi totalista o médio Shoya Nakajima, ex-futebolista do Portimonense.

Carlos Queiroz, de 66 anos, antigo selecionador português e campeão mundial sub-20 em 1989 e 1991, com a equipa lusa daquele escalão, orientou a seleção do Irão entre 2011 e 2019, antes de ocupar o lugar deixado pela saída do argentino José Pékerman no comando técnico da Colômbia.

O encontrou marcou também o reencontro entre as duas seleções, que se defrontaram na estreia no Grupo H do Mundial2018, na cidade russa de Saransk, com o Japão a impor-se por 2-1, beneficiando do facto de ter jogado durante quase toda a partida em superioridade numérica, devido à expulsão do colombiano Carlos Sánchez, aos quatro.