Quando o DJ e produtor musical Avicii (Tim Bergling) morreu, a 20 de abril do ano passado, deixou um conjunto de canções que planeava incluir no seu próximo álbum. O sueco estava “quase a completar” o seu disco seguinte, revela a editora com a qual tinha assinado contrato, a Virgin EMI Records. Agora, a editora e a família decidiram lançar um disco póstumo com música que Avicii deixou por terminar.

O álbum chamar-se-á Tim e sairá a 6 de junho. Na próxima quarta-feira, 10 de abril, será revelado o primeiro single: o tema “SOS”, uma colaboração com o cantor Aloe Blacc.

A informação foi avançada numa série de tweets publicados pela editora de Avicii, que especifica ainda aquilo que o DJ e produtor musical sueco deixou por editar: “Uma série de canções incompletas com notas, emails e textos relativos a música inédita. A família do Tim decidiu partilhar esta música com os seus fãs por todo o mundo”.

Pouco depois da notícia da sua morte, foi revelado que o autor de “Wake Me Up” tinha-se deslocado pouco antes à África do Sul e nas suas últimas semanas de vida andava a trabalhar inspirado por música africana. A informação foi dada pelo DJ sul-africano Black Coffee.

Morreu Avicii, estrela da música eletrónica. Tinha 28 anos e um historial de abuso de álcool