O Museu da Electricidade, agora integrado no Museu de Arte, Arquitectura e Tecnologia (MAAT), em Lisboa, foi ontem palco da cerimónia de entrega dos Prémios Auto Observador – A Escolha dos Portugueses, concurso em que participaram 57 novos modelos introduzidos no mercado nacional em 2018, envolvendo um total de 29 marcas de automóveis.

Fiel ao princípio de que o resultado final em cada uma das nove categorias a concurso reflecte “A Escolha dos Portugueses”, nesta iniciativa do Observador quem tem o exclusivo do poder de decisão é o leitor, via votação online. E é também o leitor que mais vezes acertar no vencedor de cada categoria que leva para casa um prémio à altura deste concurso: um automóvel novinho em folha. Nesta edição, apurar quem seria o felizardo por ganhar um Seat Ibiza oferecido pelo Observador foi uma tarefa complicada. Valeu ao Gonçalo Archer o facto de ter sido o mais rápido a votar!

Mas o Gonçalo esteve longe de ser o único protagonista de um final de tarde sobre rodas. O evento juntou mais de centena e meia de convidados, naturalmente da área automóvel, mas com um forte enfoque no envolvimento de entidades e de empresas que diariamente contribuem para que circular nas nossas estradas seja algo mais seguro e menos poluente.

Com o patrocínio da Continental e da Valopneu, o evento da entrega de troféus da 2.ª edição dos Prémios Auto Observador – A Escolha dos Portugueses contou ainda com a participação da Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária, EDP, Bosch, Associação Nacional das Empresas de Comércio e Reparação Automóvel, Mobi.e, Prevenção Rodoviária Portuguesa e Efacec.