Rádio Observador

Primeira Liga NOS

Treinador do Rio Ave convicto que vai quebrar ‘jejum’ e “dar alegria aos adeptos”

Treinador do Rio Ave disse que acredita que a sua equipa pode "dar uma alegria aos adeptos" na receção ao Vitória de Guimarães, no domingo, da 29.ª jornada da I Liga portuguesa de futebol.

TIAGO PETINGA/LUSA

O treinador do Rio Ave disse acreditar que a sua equipa pode “dar uma alegria aos adeptos” na receção ao Vitória de Guimarães, no domingo, da 29.ª jornada da I Liga portuguesa de futebol. A formação vila-condense não vence no seu estádio para o campeonato há 10 jornadas consecutivas, mas Daniel Ramos considera que esse ‘jejum’ pode acabar neste jogo, que perspetiva ser “muito competitivo”.

“São duas equipas que vão lutar pelo triunfo, mas espero que sejamos nós os vencedores. Estamos focados, cientes das responsabilidades e acredito que, apesar da dificuldade, vamos conseguir um resultado que, no final do jogo, seja uma alegria para os nossos adeptos”, disse Daniel Ramos. Apesar de a formação vimaranense ter vencido apenas dois dos últimos 10 jogos como visitante, o treinador do Rio Ave falou num adversário “que está a fazer um bom campeonato”, garantindo ter uma “estratégia bem definida” para este encontro.

“O Vitória sofre poucos golos, e sabemos da importância de marcar primeiro e, depois, saber defender. Gostam de projetar os seus homens do ataque, e temos de ser inteligentes na forma como abordamos essas movimentações”, analisou. A carreira intermitente da equipa no campeonato ainda não permitiu ao Rio Ave estar descansado no que toca às contas da manutenção, algo que o treinador diz ser tema de conversa com o grupo.

“Temos apelado ao profissionalismo de todos, olhando para o que temos pela frente para responder às contrariedades. Temos de ser competentes e partilhar responsabilidades para resolver a questão o mais rápido possível”. Com o avançado Gelson Dala a regressar o lote de disponíveis, depois de ter falhado o último jogo, com o Sporting [derrota por 3-o], por pertencer aos quadros dos ‘leões’, Daniel Ramos admitiu a “possibilidade de alterações no ‘onze'”.

“Neste momento tenho jogadores de nível igual, o que me permite a possibilidade de escolha tanto para o ‘onze’ como para o banco. A crença é total naqueles que irão a jogo”, vincou. Nélson Monte, ainda a recuperar de lesão, é única ‘baixa’ na formação vila-condense para este desafio. O Rio Ave, nono classificado com 32 pontos, recebe o Vitória de Guimarães, sexto com 45, no domingo, a partir das 15:00.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)