A Volvo deseja que os seus veículos que detectam problemas, sejam eles uma súbita falta de aderência devida à presença de gelo, excesso de água ou óleo, possam informar os restantes modelos da marca que circulam na zona de que ali há perigo. É este o objectivo do sistema Hazard Light Alert e Slippery Road Alert (HLASRA), que a Volvo passou a introduzir a partir de 2016, inicialmente apenas nos modelos da série 90 e exclusivamente na Suécia e Noruega.

Depois da fase de testes, o construtor sueco está agora decidido a alargar esta solução a outros modelos, construídos com base nas plataformas SPA e CMA, e a outros países, permitindo que os seus modelos “falem” uns com os outros, informando quem vai ao volante onde é fundamental ter mais cuidado.

A possibilidade de partilhar informações entre veículos em tempo real, através da internet, trocando dados sobre as condições do piso, seja porque escorrega, ou porque buracos ou obras tornam o local perigoso, é uma excelente solução para incrementar a segurança dos condutores. E segundo os responsáveis pela Volvo, acabam por ser indirectamente os próprios condutores da marca os responsáveis pela partilha das informações destinadas a aumentar a segurança, reduzir acidentes e salvar vidas.