Rádio Observador

Museus

Museu Berardo e Serralves nos 100 mais visitados do mundo

Na publicação do The Art Newspaper sobre os museus mais visitados do mundo o Museu Berardo, localizado em Belém, surge em 79.º e o Museu de Serralves, no Porto, ocupa a 84.ª posição.

O Museu Berardo surge em 79.º lugar na lista, com 998.831 visitantes e o Museu de Serralves ocupa a 84.ª posição, com 946.932 visitantes

Autor
  • Agência Lusa
Mais sobre

O Museu Coleção Berardo, em Lisboa, e o Museu de Serralves, no Porto, estão na lista dos 100 museus mais visitados do mundo em 2018, segundo o The Art Newspaper, publicação internacional especializada em arte.

De acordo com os números publicados pelo The Art Newspaper sobre os museus mais visitados do mundo, o Museu Berardo, localizado em Belém, surge em 79.º lugar na lista, com 998.831 visitantes, e o Museu de Serralves ocupa a 84.ª posição, com 946.932 visitantes.

Na lista estão também quatro museus no Brasil, nomeadamente nas cidades do Rio de Janeiro, São Paulo e Belo Horizonte.

O Centro Cultural do Banco do Brasil no Rio de Janeiro está em 42.º lugar, com 1,3 milhões de visitantes, e o Centro Cultural do Banco do Brasil em São Paulo está em 85.º lugar com 931.980 visitantes.

O Instituto Tomie Ohtake, em São Paulo, coloca-se em 92.º lugar com 898.147 visitantes, enquanto o Centro Cultural do Banco do Brasil em Belo Horizonte ficou em 93.º lugar, com 893.772 visitantes.

Já o ‘top 5’ dos mais visitados do mundo, em 2018, é liderado pelo Museu do Louvre, em Paris, com 10,2 milhões de entradas, seguido do Museu Nacional da China, em Pequim, com 8,6 milhões, e em terceiro o Metropolitan Museum of Art, em Nova Iorque, com 6,9 milhões.

Em quarto lugar surgem os Museus do Vaticano, em Roma, com 6,7 milhões, e em quinto lugar a Tate Modern, em Londres, com 5,8 milhões.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt
António Costa

O favor que Costa fez à direita /premium

Sebastião Bugalho

Nestes quatro anos, Costa normalizou tudo aquilo que a direita se esforçou por conquistar, o que levanta uma questão simples: o que poderá dizer o PS contra um futuro governo do centro-direita?

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)