Segurança Social

Pagamento de dívidas a prestações à Segurança Social já pode ser pedido online

A medida deve abranger cerca de 100 mil contribuintes e destina-se a cidadãos e empresas com um valor total em dívida inferior a 50 mil euros. Plano pretende tornar o processo mais "simples e ágil".

O novo serviço está disponível no site da Segurança Social

JOANA SARAMAGO/LUSA

Autor
  • Agência Lusa

Os cidadãos e as empresas com uma dívida total à Segurança Social inferior a 50 mil euros podem pedir, a partir desta quinta-feira, um plano de pagamento a prestações através de uma nova funcionalidade online.

“Está disponível a partir de hoje uma nova funcionalidade na Segurança Social Direta para apresentação por parte de cidadãos ou empresas de pedidos de planos prestacionais para pagamento de dívidas à Segurança Social que se encontram em execução fiscal”, anunciou o Ministério do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social em comunicado.

A medida deverá abranger cerca de 100 mil contribuintes e destina-se a cidadãos e empresas com um valor total em dívida inferior a 50 mil euros “e simultaneamente com dívida inferior a 5,0 mil euros por processo e apensos (caso de pessoas singulares) ou com dívida inferior a 10 mil euros por processo e apensos (caso de pessoas coletivas)”, explica o ministério de Vieira da Silva.

“Com esta nova funcionalidade o processo de regularização de dívidas à Segurança Social torna-se mais simples e ágil, dispensando os cidadãos e empresas de se deslocarem às seções de processo da Segurança Social”, acrescenta a mesma fonte.

O novo serviço permite criar um plano prestacional, com opção do número de prestações desejado, simular o plano de pagamentos, “a aprovação de forma imediata do pedido efetuado, com dispensa de garantia” bem como a gestão dos valores e acesso às referências para pagamento.

Estão excluídos desta funcionalidade processos cujos acordos tenham sido incumpridos ou se encontrem suspensos ou em reversão.

O novo serviço está disponível na Segurança Social Direta em www.seg-social.pt / “Conta Corrente > Dívidas em Processo Fiscal”.

A medida “Gestão Online de Planos Prestacionais” insere-se na Estratégia Segurança Social Consigo e no programa Simplex +.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt
Inovação

Web Summit e provincianismo

Fernando Pinto Santos

Porque é a investigação académica tão desconsiderada em Portugal? Talvez porque moldes ou toalhas não sejam tão glamorosos como uma app com um nome estrangeiro numa conferência com o nome de Summit.

Bragança

Bragança tem gente culta e fica aqui

Nuno Pires
134

“Bragança fica longe de Lisboa, é certo, mas também Lisboa de Bragança. Porém, estamos mais perto de Madrid, Paris, Salamanca, Barcelona e do resto da Europa”

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)