Moçambique

Parlamento moçambicano aprova perdão de dívida fiscal de 359 milhões de euros

O perdão foi pedido pelo Governo e vai permitir que o Estado e as autarquias recebam cerca de 304 milhões de euros. A dívida deve-se à crise económica e aos desastres naturais que têm atingido o país.

O perdão foi aprovado em Assembleia da República

ANTÓNIO SILVA/LUSA

Autor
  • Agência Lusa

O parlamento moçambicano aprovou esta quinta-feira um perdão de pouco mais de 26 mil milhões de meticais (359 milhões de euros) em multas e juros relativos a impostos devidos nos últimos quatro anos.

O perdão esta quinta-feira aprovado por consenso pela Assembleia da República (AR) foi pedido pelo Governo, através da Proposta de Lei de Regime Excecional de Dívidas Tributárias.

O ministro da Economia e Finanças, Adriano Maleiane, disse que a medida vai permitir que o Estado e as autarquias recebam pouco mais de 22 mil milhões de meticais (304 milhões de euros) de um total de 46 mil milhões de meticais (636 milhões de euros) em dívida.

Adriano Maleiane assinalou que muitas empresas e pessoas singulares entraram em incumprimento em relação às suas obrigações fiscais devido à crise económica e financeira que abala o país desde 2015 e às calamidades naturais. “O perdão será um estímulo para que os sujeitos passivos fiscais cumpram as suas obrigações para com o Estado”, assinalou Maleiane.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)