Táxis

Governo vai apoiar com 100 mil euros nova aplicação de táxis

419

A verba servirá para apoiar a plataforma Izzy Move e procura criar uma maior competitividade no setor dos táxis. Para o secretário de Estado Adjunto e da Mobilidade, o setor precisa de "modernização".

José Mendes anunciou a medida na apresentação do alargamento da plataforma à cidade de Lisboa

RODRIGO ANTUNES/LUSA

Autor
  • Agência Lusa

O secretário de Estado Adjunto e da Mobilidade, José Mendes, anunciou esta terça-feira, na apresentação do alargamento da aplicação de táxis Izzy Move a Lisboa, a atribuição de um apoio de 100 mil euros para a continuação do seu desenvolvimento.

De acordo com o secretário de Estado, “esta verba de 100 mil euros servirá para apoiar o desenvolvimento da plataforma”, reconhecendo o Governo “as características distintivas do setor do táxi”.

“Utilizando fundos do Fundo de Transportes estamos a procurar apoiar elementos para uma maior competitividade do setor do táxi como seja, por exemplo, a eletrificação dos veículos, como seja apoiar o desenvolvimento desta aplicação que agora é apresentada e que, tanto quanto me foi dado a ver poderá ser um importante sucesso”, afirmou José Mendes em declarações aos jornalistas.

Para o secretário de Estado, “este é um momento quase histórico”, considerando ainda que o setor do táxi “tem o futuro garantido, mas é preciso modernização”. “Na questão dos contingentes, podem ganhar uma dimensão supra municipal, metropolitanas ou maiores. Vamos trabalhar pensando no arranque da próxima legislatura”, afirmou José Mendes.

Para o presidente da ANTRAL, a associação responsável pelo desenvolvimento da aplicação Izzy Move, Florêncio de Almeida as alterações na contingentação trazem benefícios para todos, incluindo nas questões ambientais com “a diminuição substancial da poluição atmosférica”.

“Nós queremos contingentes intermunicipais, não gostaríamos que fosse das áreas metropolitanas porque a Área Metropolitana de Lisboa vai muito para além daquilo que seria necessário. De forma que, havendo contingentes intermunicipais, acho que podemos trabalhar, é mais rentável para o industrial de táxi, mais benéfico para o utente porque paga muito menos do que paga hoje”, afirmou Florêncio de Almeida.

A Izzy Move está em funcionamento em Portugal desde meados de 2018 nos distritos de Vila Real, Évora, Leiria, Castelo Branco, Faro, Setúbal e Viseu, somando-se, a partir desta terça-feira, a cidade de Lisboa também à oferta da aplicação, com planos de crescimento para todo o território.

A Izzy Move funciona em parceria com as rádio táxis, garantindo um atendimento por telefone 24 horas por dia, 365 dias por ano, sendo possível pedir também o transporte em táxis executivos, letra A ou letra T.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)