Moro: "Sócrates? Não debato com criminosos"

"Todos os países têm dificuldade com crimes de grande corrupção porque envolvem pessoas poderosas", apontou o atual ministro da Justiça de Bolsonaro e antigo super-juiz do processo Lava-Jato.

Por Observador