Em relação ao mês de março do ano passado, o Índice de Preços na Produção Industrial (IPPI) subiu 1,5% em março e manteve-se face a fevereiro, divulgou esta quarta-feira o Instituto Nacional de Estatística (INE).

Segundo o INE, o agrupamento de energia, que registou uma subida homóloga de 4,5%, contra 0,9% em fevereiro, deu o contributo mais expressivo para a variação do índice agregado.

O IPPI em fevereiro tinha aumentado 0,8% face ao mesmo mês de 2018 e caído 0,7% em relação ao mês anterior. O INE sublinha que, excluindo o agrupamento de energia, o IPPI aumentou em termos homólogos 0,8% em março, a mesma variação registada no mês anterior. O agrupamento das indústrias transformadoras registou uma subida homóloga de 1,9% em março, contra 1,0% em fevereiro.

Em termos mensais, o IPPI apresentou uma variação nula em março, tal como já tinha sido em fevereiro. Em termos homólogos, no primeiro trimestre de 2019, os preços na produção industrial aumentaram 1,1%, contra 3,0% no trimestre anterior (últimos três meses de 2018).

Os agrupamentos de bens intermédios e energia aumentaram em termos homólogos nos primeiros três meses deste ano, respetivamente, 1,4% e 2,0%, contra 2,5% e 10,1% no último trimestre de 2018.