Agora que já revelou o Model Y, o SUV mais acessível da gama, concebido com base no chassi, mecânicas e baterias do Model 3, são três os modelos que a Tesla vai mostrar nos próximos 12 meses. Com a pick-up, agendada para a segunda metade de 2019, a poder ser conhecida entre o camião Semi e o desportivo Roadster, esperado apenas em 2020.

4 fotos

A primeira vez que a Tesla falou publicamente da pick-up, uma solução muito mais popular nos EUA do que na Europa, especialmente em versões de grandes dimensões, foi durante a revelação do camião Semi, tractor eléctrico para semi-reboques. Na altura, foi definida como uma pick-up capaz de transportar outra pick-up, como sinal de grande potência e dimensão. Mais recentemente, Elon Musk garantiu que a sua futura pick-up, ou “truck” como os americanos lhe chamam, “terá um aspecto futurístico, um design moderno de um veículo tipo Blade Runner”.

A proximidade da data da revelação, aliada às declarações do CEO, suscitou a criatividade de designers por esse mundo fora, com muitos a apresentarem as suas propostas, tentando antecipar a truck da Tesla. E, entre eles, Emre Husmen avançou com uma série de imagens que se destacam entre todas as restantes. Sendo que a estética da pick-up da Tesla pode ser determinante, tanto mais que já há um concorrente no mercado, a Rivian R1T, à qual não faltam atributos.

14 fotos

Se a estética ainda é uma incógnita, o mesmo acontece com a potência e a capacidade das baterias, existindo contudo indicadores que apontam para um preço similar ao mais barato dos Model X, cerca de 90.000€ em Portugal. À semelhança de outros modelos da marca, a truck deverá ser proposta com várias versões de acumuladores, de forma a assegurar autonomias entre 450 e 900 km, o que implica baterias com capacidades a variar entre os 100 kWh, similar ao que o Model X utiliza agora nas versões mais potentes, e os 200 kWh, a que o futuro Roadster irá recorrer.