A Polícia de Segurança Pública (PSP) vai estar a partir desta segunda-feira e até ao próximo dia 12 com especial atenção aos condutores que não abdicam do telemóvel enquanto conduzem.

A operação “Phone Off” tem como objetivo “prevenir e dissuadir os comportamentos de risco que, de forma decisiva, contribuem para a ocorrência de acidentes rodoviários”, lê-se no comunicado enviado pela PSP às redações.

Para não aumentarem os riscos de acidentes e para evitarem a aplicação de coimas, os condutores só podem usar “aparelhos dotados de um único auricular ou de microfone com sistema de alta voz” para falarem ao telemóvel enquanto conduzem.

Nos primeiros quatro meses do ano já se registaram 4.998 acidentes nas estradas portuguesas, dos quais resultaram 53 vítimas mortais, 231 feridos graves e 5.888 feridos ligeiros, de acordo com dados oficiais. A engrossar o número de mortos está o acidente de um autocarro de turismo que a 17 de abril tirou a vida a 29 pessoas.