O IdeenExpo pode ser definido como uma gigantesca ‘sala de aula’ onde miúdos e graúdos se podem aperceber dos mais recentes avanços tecnológicos colocados ao serviço de todos os que utilizam veículos automóveis. Tanto no papel de condutores, como de meros passageiros, para os quais foram igualmente concebidos os serviços de informação e entretenimento.

A feira concentra sobretudo os construtores alemães, bem como a poderosa indústria germânica de componentes. Entre as marcas presentes, a Volkswagen vai fazer-se representar pelo eGon, um e-Golf completamente despido, revelando as suas entranhas de automóvel convencional, nascido para alojar um motor a combustão e a respectiva caixa de velocidades, mas que no seu lugar monta um motor eléctrico, baterias e todo o sistema de gestão electrónica.

O eGon tem todas as suas peças marcadas com códigos QR, para que os visitantes possam saber do que se trata, bem como para que serve. O mais curioso é que, apesar de desprovido de qualquer revestimento, este Golf que mais parece saído de um filme dos Flinstones é perfeitamente funcional, como qualquer outro e-Golf, deslocando-se pelo seus próprios meios e tendo todos os sistemas operacionais. Apenas não parece necessitar do ar condicionado, pois calor a bordo é coisa que os visitantes do IdeenExpo deverão sentir.