Rádio Observador

Timor-Leste

Tempestade tropical prevista para as próximas 24 horas em Timor-Leste com ventos até 120 km/h

297

Com ventos de 55 km/h, o sistema deverá tornar-se mais forte durante a noite, progredindo lentamente para sul durante a madrugada de quinta-feira, afastando-se de Timor-Leste apenas na sexta-feira.

"As chuvas fortes têm o potencial de causar deslizamentos de terra nas áreas montanhosas de Timor-Leste", refere o BOM

NUNO VEIGA/LUSA

Uma tempestade tropical que poderá aumentar para a intensidade de ciclone, com rajadas de até 80 quilómetros por hora, está a movimentar-se para Timor-Leste, onde deverá fazer sentir a sua intensidade até quinta-feira, segundo as previsões meteorológicas.

Previsões do Bureau de Meteorologia (BOM) do Governo australiano no Território do Norte divulgadas esta quarta-feira confirmam que o sistema tropical de baixa pressão se localizava a meio da tarde desta quarta-feira a cerca de 420 quilómetros a leste-nordeste de Díli.

Com ventos de 55 km/h, o sistema deverá tornar-se mais forte durante a noite, progredindo lentamente para sul durante a madrugada de quinta-feira, afastando-se de Timor-Leste apenas na sexta-feira.

O BOM refere que “chuvas fortes serão o principal impacto” do sistema, com a precipitação a atingir entre 100 mm e 200 mm, “ainda que algumas zonais pontuais possam ter totais diários próximos de 300 mm perto do centro do sistema”.

“As chuvas fortes têm o potencial de causar deslizamentos de terra nas áreas montanhosas de Timor-Leste”, refere o BOM.

Rajadas de vento podem desenvolver-se especialmente na metade oriental da ilha de Timor, com ventos médios de 85 km/hora e rajadas de até 120 km/hora, especialmente na zona do centro do sistema.

Para esta quarta-feira e quinta-feira estão previstas chuvas generalizadas e trovoada, com a capital a ter a possibilidade de tempestade forte.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt
Novo Acordo Ortográfico

Uma comunidade às avessas

José Augusto Filho

Da forma em que foi conduzido, o Acordo serve mais para enfraquecer a língua de Camões do que para disseminá-la. Quanto aos ganhos políticos e económicos esperados, foram até agora praticamente nulos.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)