PAN

Europeias. PAN à conquista dos jovens com mensagem de combate às alterações climáticas

113

O partido de André Silva fez campanha esta quarta-feira na Cidade Universitária, em Lisboa. Francisco Guerreiro, cabeça de lista às europeias, distribuiu folhetos e foi abordado por estudantes.

O partido diz que tem recebido feedback positivo das campanhas que tem realizado

ANDRE KOSTERS/LUSA

Autor
  • Agência Lusa

O cabeça de lista do PAN às europeias insistiu esta quarta-feira na conquista do eleitorado universitário, em relação ao qual assume uma “expectativa elevada”, concentrando-se na mensagem do combate às alterações climáticas.

“É o destino deles que está em jogo e eles cada vez mais percebem isso com a questão das alterações climáticas”, disse à Lusa Francisco Guerreiro, no final de uma distribuição de folhetos informativos do PAN na Cidade Universitária, em Lisboa.

Acompanhado pelo porta-voz e deputado do partido, André Silva, Francisco Guerreiro abordava as pessoas que saiam do metro, muitas mostravam indiferença e rostos fechados, a algumas perguntava se conheciam as propostas do PAN, ouvia a resposta e, invariavelmente, sublinhava de imediato: “Estamos muito focados nas alterações climáticas”.

Perante a expressão “alterações climáticas”, Carolina Silva, 20 anos, estudante de Medicina, manifestou disponibilidade para ouvir mais. “Para mim, é crucial. Não percebo muito bem qual é objetivo de tanta política se não tivermos um planeta para viver”, justificou depois à Lusa. Carolina ainda não decidiu em que partido vai votar no domingo, assegura que vai “investigar mais”, mas, para já ficou “muito interessada” na mensagem do PAN.

Esta não é a primeira vez que o PAN faz uma ação de campanha neste local, assim como noutras geografias universitárias pelo país, uma opção justificada pela “expectativa elevada” que depositam no voto jovem.

O feedback que temos tido nas ruas e nas conferências em que temos participado em universidades tem sido bastante bom, no conhecimento que têm do partido, nas nossas prioridades, na maneira como comunicamos e estamos na política, e, depois, há jovens que não nos conhecem e ficam interessados quanto ouvem a mensagem”, explicou Francisco Guerreiro à Lusa.

Licenciado em Comunicação Social, Francisco Guerreiro tem sido o responsável de comunicação do partido, e isso nota-se na abordagem às pessoas: “Conheces as nossas propostas? Não? Tens aqui as nossas propostas, também podes ir ao site, que é novo, e segue-nos nas redes sociais”.

Quando uma jovem fala dos “exageros do PAN” e se queixa de terem feito “alarido” por uma matança de porco na sua terra que, afinal, era apenas uma festa com esse nome em que nenhum suíno foi sacrificado, foi André Silva quem deu o corpo às balas argumentativas.

“Há muitas matanças de porco que são reais. Não nos passou pela cabeça que não fosse uma matança do porco. A única coisa que fizemos, que fazemos sempre, é notificar as autoridades para ser verificado o cumprimento das regras”, disse André Silva à rapariga. A jovem ainda ripostou: “Deviam saber mais antes de falar”, disse, levando consigo o material informativo do partido.

Oiça as melhores histórias destas eleições europeias no podcast do Observador Eurovisões, publicado de segunda a sexta-feira até ao dia do voto.

Todos queremos saber mais. E escolher bem.

A vida é feita de escolhas. E as escolhas devem ser informadas.

Há uns meses o Observador fez uma escolha: uma parte dos artigos que publicamos deixariam de ser de acesso totalmente livre. Esses artigos Premium, por regra aqueles onde fazemos um maior investimento editorial e que mais diferenciam o nosso projecto, constituem a base do nosso programa de assinaturas.

Este programa Premium não tolheu o nosso crescimento – arrancámos mesmo 2019 com os melhores resultados de sempre.

Este programa tornou-nos mesmo mais exigentes com o jornalismo que fazemos – um jornalismo que informa e explica, um jornalismo que investiga e incomoda, um jornalismo independente e sem medo. E diferente.

Este programa está a permitir que tenhamos uma nova fonte de receitas e não dependamos apenas da publicidade – porque não há futuro para a imprensa livre se isso não acontecer.

O Observador existe para servir os seus leitores e permitir que mais ar fresco circule no espaço público da nossa democracia. Por isso o Observador também é dos seus leitores e necessita deles, tem de contar com eles. Como subscritores do programa de assinaturas Observador Premium.

Se gosta do Observador, esteja com o Observador. É só escolher a modalidade de assinaturas Premium que mais lhe convier.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt
PAN

A culpa como arma final /premium

André Abrantes Amaral

Antes o pecador ia para o Inferno; agora destrói a Terra. A Igreja falava em nome de Deus; o PAN fala em nome do planeta. Onde foi buscar tal ideia é o que a democracia tem tido dificuldade em perguntar

PAN

O PAN e o outro lado da revolução verde

Patrícia Fernandes e André Azevedo Alves
308

Podemos estar perante uma emergência ambiental, mas tal não significa que não haja um outro lado, mais sinistro e potencialmente problemático, da revolução verde. Ou que o devamos ignorar.

Extremismo

Os fascistas da saúde /premium

João Marques de Almeida
2.671

O Bloco e o PCP (e o PAN para lá caminha) são os fascistas da saúde em Portugal. Têm dois objectivos: terminar com a iniciativa privada na saúde, e acabar com a liberdade de escolha dos cidadãos.

Ambiente

A intervenção do PSD na área do Ambiente

Salvador Malheiro

O PSD é detentor de um legado riquíssimo em matéria de política ambiental, pelo que a sua intervenção na área do Ambiente foi, é e continuará a ser determinante para o desenvolvimento de Portugal

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)