Theresa May “fez tudo o que podia”, mas acabou por anunciar que se vai demitir do cargo de primeira-ministra e abandonar a liderança dos conservadores, assegurando funções até dia 7 de junho. No discurso emocionado desta sexta-feira, May disse ter sido a “segunda primeira-ministra mulher, mas certamente não a última”. Momentos depois, enquanto uns anunciavam as respetivas candidaturas, na Internet havia quem já tivesse “escolhido” um novo candidato: o engenheiro de som de Downing Street, tal como escreve o Mashable.

Ainda antes do discurso que levou Theresa May a derramar uma ou mais lágrimas, um jovem engenheiro de som foi apanhado diante das câmaras no púlpito onde a ainda primeira-ministra britânica se dirigiu ao país esta sexta-feira de manhã, o que levou alguns utilizadores do Twitter a ironizarem a situação — um deles chegou mesmo a partilhar a imagem do técnico com a legenda “Eu voto nele”.

O Mashable não foi, porém, o único meio britânico a identificar esta peculiar situação. Também o Metro escreveu “as pessoas querem que o engenheiro de som seja o nosso novo primeiro-ministro”, e que “o Twitter explodiu com admiração” pelo jovem.

O homem não identificado tornou-se, da manhã para a tarde, numa estrela anónima, com a sua imagem a ser partilhada inúmeras vezes nas redes sociais.

[Veja no vídeo como o Brexit atravessou a vida de May. Três anos da primeira-ministra em três minutos]