A Manzana Postobon, única equipa profissional colombiana de ciclismo vai acabar, na sequência de vários casos de doping, anunciou na sexta-feira o conjunto. “Tomámos a decisão de não continuar com a equipa profissional de ciclismo e, a partir desta data, a equipa não vai participar mais em competições previstas no calendário nacional e internacional”, lê-se num comunicado do Pedaleamos por Colombia (Pedalamos pela Colômbia), proprietário da equipa.

Num outro comunicado, a Postobon, principal patrocinador, também tinha anunciado ter terminado o contrato de patrocínio ao Pedaleamos por Colombia, mas que vai manter a parceria com federação colombiana de ciclismo.

Na segunda-feira, a União Ciclista Internacional tinha suspenso o ciclista Juan José Amador, já depois de Wilmar Paredes também ter tido um controlo positivo.