Rádio Observador

Tiroteio

Polícia da escola de Parkland acusado de 11 crimes associados ao tiroteio que matou 17 crianças

A investigação feita ao massacre determinou que Scot Paterson não ajudou os alunos que estavam a ser atacados e fugiu. Está preso e sujeito a uma fiança de 102 mil dólares.

NBC

Scot Peterson, o polícia do Broward County Sheriff’s Department que estava destacado a proteger a escola secundária Marjory Stoneman Douglas, em Parkland (Florida, EUA), foi formalmente acusado de 11 crimes, todos eles associados à forma como agiu durante o tiroteio que matou 17 alunos dessa escola.

Os crimes que envolvem o agente da policia incluem acusações de negligência e perjúrio, todos eles associados à forma como agiu durante o massacre que chocou o mundo em 2018: A extensa investigação feita pelas autoridades concluiu que Peterson não procurou perceber de onde vinham os disparos, fugiu durante o tiroteio — enquanto as vítimas eram atacadas — e ordenou que todos os agentes da autoridade se mantivessem a 500 metros do edifício, conta o The New York Times.

Scot Peterson está preso na cadeia de Broward County Jail e, segundo declarações a CNN, a sua fiança foi fixada nos 102 mil dólares. O advogado do ex-polícia continua a defender que o seu cliente agiu dessa forma não por cobardia mas porque acreditava que os tiros vinham de fora.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: dlopes@observador.pt
Feminismo

Liberdade p/assar /premium

Alberto Gonçalves
105

O descaramento do MDM e associações similares é infinito. Uma coisa, já de si irritante, é a sensibilidade contemporânea a matérias tão insignificantes que não ofenderiam o antigo arcebispo de Braga.

Natalidade

Como captar os votos de um jovem casal?

Ricardo Morgado

O nascimento de uma criança altera, complemente, a vida de um jovem casal. Para que tal aconteça mais vezes, é essencial que o Estado saiba responder às suas necessidades e a algumas urgências.

Toxicodependência

Fernanda Câncio, a droga não é "cool"

Henrique Pinto de Mesquita

Venha ao Bairro do Pinheiro Torres no Porto. Apanhamos o 204 e passamos lá uma hora. Verá que as pessoas que consomem em festivais não são bem as mesmas que estão deitadas nas ruas do Pinheiro Torres.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)