O ex-homem forte do BES, Ricardo Salgado, vai ser interrogado pelo juiz Ivo Rosa a 8 de julho, no âmbito da fase de instrução criminal da Operação Marquês, segundo a SIC Notícias.

Recorde-se que Ricardo Salgado foi acusado pelo Ministério Público (MP) de 21 crimes: dois crimes de corrupção ativa, nove crimes de branqueamento de capitais, três crimes de abuso de confiança, três crimes de falsificação de documento, três crimes de fraude fiscal qualificada e um de corrupção ativa de titular de cargo político. O MP entende que José Sócrates terá alegadamente recebido cerca de 34 milhões de euros para beneficiar interesses de Ricardo Salgado, então líder do BES.

A Operação Marquês tem o antigo primeiro-minitro, José Sócrates, como principal suspeito. O ex-governante está acusado de 31 crimes: corrupção passiva de titular de cargo político, branqueamento de capitais, falsificação de documentos e fraude fiscal qualificada. Entre os 28 arguidos estão ainda Carlos Santos Silva, Henrique Granadeiro, Zeinal Bava, Armando Vara, Bárbara Vara, Joaquim Barroca ou Hélder Bataglia.