Um sismo de 6,3 na escala de Richter abalou na quinta-feira a costa da região central do Chile, mas as autoridades não reportaram, até ao momento, a ocorrência de vítimas ou danos e já descartaram o risco de tsunami.

O Centro Nacional de Sismologia localizou o terramoto a 71 quilómetros da cidade costeira de Tongoy, na região de Coquimbo.

Até ao momento, não houve indicação de vítimas ou danos materiais e o Serviço Hidrográfico e Oceanográfico da Marinha (SHOA) já descartou o perigo de tsunami.

O Chile, localizado no Anel de Fogo do Pacífico, é considerado um dos países com mais sismos do planeta. Em 2010, um sismo seguido de tsunami deixou 525 mortos e 26 desaparecidos no país.