Foi um “erro humano”, mas que provocou algumas gargalhadas da parte do público e jornalistas e que vai ficar registado na internet. Na quinta-feira passada, o governo do Paquistão decidiu transmitir em direto no Facebook uma conferência de imprensa de um dos seus ministros, Shaukat Yousafzai. Tudo normal até aqui. Mas algo de diferente despertou a atenção de quem estava a ver aquele direto e tornou-se viral em minutos: alguém se esqueceu de desligar o filtro de animais do Facebook e o político surgiu durante alguns minutos com orelhas e bigodes de gato enquanto falava.

De imediato, conta o India Today, os utilizadores começaram a brincar com a situação. “Há um gato no armário”, “Shaukat Yousafzai parece um gato — miau, miau miau” foram alguns exemplos de comentários enviados. Minutos depois de a conferência de imprensa ter acabado, o vídeo foi eliminado da conta do Pakistan Tehreek-e-Insaf (PTI), o partido que está no poder, mas várias pessoas guardaram fotografias da situação.

À agência France-Presse, Shaukat Yousafzai referiu que tudo não passou de um engano. “O filtro de gato foi ligado por engano“, acrescentou, informando ainda que as duas pessoas que estavam ao seu lado “também foram afetadas pelo filtro de gato”. A conferência decorreu na pequena província de Khyber Pakhtunkhwa.

Entretanto, e depois do que aconteceu, o partido emitiu um comunicado onde refere que é “pioneiro nas redes sociais no Paquistão” e que tem orgulho “em levar os políticos paquistaneses à internet”, explicando depois a situação. “A comissão disciplinar investigou o assunto em primeira mão e concluiu que o incidente foi um ‘erro humano’ de um dos nossos voluntários que trabalham arduamente. Todas as ações necessárias foram tomadas para evitar tal situação no futuro”, assegurou ainda o partido.

“Proponho que todos os procedimentos parlamentares em todo o mundo sejam gravados com filtros de gatos. Por favor comecem com o Parlamento britânico”, escreveu um utilizador no Twitter sobre a situação.