Rádio Observador

Minas

Rebentamento de tubo de ar comprimido faz ferido grave nas minas de Aljustrel

O mineiro ficou com queimaduras no corpo depois de um tubo de ar comprimido ter rebentado. Terá de ser submetido a cirurgia plástica devido a queimaduras no rosto. Será transportado para Lisboa.

NUNO VEIGA/LUSA

Uma trabalhador das minas de Aljustrel ficou esta segunda-feira gravemente ferido com queimaduras no corpo. Em causa esteve o rebentamento de um tubo de ar comprimido.

O Hospital José Joaquim Fernandes, em Beja, confirmou ao Observador que o homem necessitará de cirurgia plástica, devido a queimaduras no rosto. A mesma fonte informa que o homem está consciente, mas que continua em estado grave. Está em observação e será transportado de ambulância nas próximas horas para o Hospital São José, em Lisboa.

O alerta foi dado por volta das 17h00 e estiveram no local nove operacionais dos Bombeiros Voluntários de Aljustrel, apoiados por três viaturas.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt
Minas

O início da responsabilidade na indústria mineira

António Matos

Quando Portugal surge em relatórios internacionais como uma potência cimeira em termos de riqueza geológica, deverá ser estratégico não deixar que investidores responsáveis optem por não investir aqui

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)