O final do tempo de especialização de cinco ginecologistas-obstetras permitirá aos médicos especialistas assumir funções nos respetivos hospitais da região de Lisboa. A garantia é dada ao Expresso pelo presidente da Administração Regional de Saúde (ARS) de Lisboa e Vale do Tejo, Luís Pisco.

Segundo o responsável, para os hospitais Amadora-Sintra, São Francisco Xavier, Santa Maria e Maternidade Alfredo da Costa serão também contratados mais 11 anestesistas e dez pediatras para reforçar o atendimento. Luís Pisco, adiantou ainda que o reforço de profissionais se vai estender a outras unidades hospitalares da região, sem revelar quais, num total de 23 jovens especialistas.

Já nesta terça-feira os ministérios da Saúde e das Finanças abriram o processo de recrutamento de 167 médicos para o Serviço Nacional de Saúde. Dos 167 médicos há vagas em especialidades hospitalares: 14 são para anestesiologia, 15 para cardiologia, 17 para medicina interna, 12 para ginecologia/obstetrícia e 10 para psiquiatria. As vagas a concurso foram definidas considerando as maiores necessidades reportadas pelos serviços.