O ator norte-americano Max Wright, conhecido pelo papel de Willie Tanner na série de comédia “Alf, Uma Coisa do Outro Mundo”, morreu na quarta-feira vítima de um linfoma. A família confirmou a morte do ator de 75 anos ao TMZ.

Max Wright morreu em casa, em Hermosa Beach, Califórnia. Lutava contra o cancro há vários anos: o linfoma foi diagnosticado em 1995.

O ator ficou conhecido por fazer de pai adoptivo de Alf, na sitcom dos anos 80 “Alf” (em Portugal ‘Alf, Uma Coisa do Outro Mundo’). A série passou na televisão entre 1986 e 1990 na NBC e Wright foi a estrela em todas as temporadas. Em Portugal, a série estreou em 1987 na RTP e passava todas as noites de quinta-feira.

O ator norte-americano entrou também na famosa série dos anos 90 “Friends” e participou em episódios de “Murphy Brown” (1988-1998) e “Norm” (1991-2001). No cinema, Max Wright entrou em filmes como “O Espetáculo Vai Começar” (1979), “A Golpada – Parte II” (1983), “Preto no Branco” (1986), “Reds” (1991), “O Sombra” (1994) e ainda “A Neve Caindo Sobre os Cedros” (1999).

Foi nomeado em 1998 para o Tony de melhor ator com o papel de Pavel Lebedev, em “Ivanov”.