Com a colaboração da sua representante austríaca, a Volkswagen libertou um vídeo (entretanto removido) em que as estrelas, mais do que o primeiro veículo eléctrico da nova vaga do construtor germânico, o ID.3, são o tablier e o painel de instrumentos, pormenores que até agora desconhecíamos. As imagens revelam detalhes do volante, mas será o painel de instrumentos a merecer a maior atenção dos interessados.

Depois de mostrar o indicador do estado de carga da bateria e da respectiva autonomia, bem como o velocímetro, o vídeo exibia pela primeira vez o ecrã do sistema de navegação e os botões que permitem controlar a música e o sistema de som. Em alguns aspectos, o interior do ID.3 faz lembrar o interior do concorrente espanhol com emblema da Seat, o el-Born, que já lhe mostrámos.

As imagens agora publicadas pela marca alemã dão ainda uma ideia de como irá funcionar o controlo por voz do modelo, com quem vai ao volante a informar que “tem frio”, a que o sistema responde que “vai aumentar a temperatura”.

A Volkswagen, que pretende produzir 100.000 unidades do ID.3 em 2020, informou que já recebeu 20.000 encomendas para o seu novo eléctrico até ao início de Junho, antecipando ultrapassar as 30.000 até Setembro, mês em que o veículo será revelado ao público. O ID.3, bem como o Seat el-Born, ambos a chegar ao nosso país em 2020, prometem ser os modelos europeus a bateria mais avançados do mercado, aproximando-se do standard já oferecido pela Tesla.